sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Festival de Música SESC seguirá em Pelotas

Hoje à tarde o Diário Popular anunciou na internet (leia a nota) que o SESC estava planejando a segunda edição do Festival Internacional de Música, tendo em vista o sucesso da primeira, que termina amanhã (19).

A boa notícia foi confirmada esta noite pelo gerente de Educação, Assistência e Cultura do SESC/RS, Silvio Bento. Ao finalizar o concerto na Catedral, ele anunciou que o evento seguirá sendo realizado em Pelotas, e já tem data marcada: a começar na segunda-feira 9 de janeiro de 2012 e terminando no sábado 21 desse mês. O público que até com cadeiras de praia lotava a Catedral aplaudiu e gritou com entusiasmo.

A parceria entre o SESC, a Prefeitura Municipal, UFPel, UCPel e empresas deu certo, mas a aceitação do público - disse Bento - foi fator crucial para seguir realizando o encontro em nossa cidade. O êxito evidenciado nos teatros cheios levou a confirmar essa decisão, já esboçada nos dias prévios como uma possibilidade.

Maestro da Orquestra UNISINOS e diretor artístico do Festival, Evandro Matté foi o grande incentivador de que o evento se fizesse em Pelotas e agora é um dos partidários de que sua continuidade seja também aqui: a cidade tem as condições físicas e a comunidade deu pleno apoio. "O Rio Grande do Sul estava precisando de um festival assim. Desde 1982, não havia um evento deste porte no Estado", disse à reportagem da UCPel (leia nota).

Mais um presente para o Bicentenário de Pelotas, a ser comemorado durante o ano de 2012.
Foto de F. A. Vidal

4 comentários:

Mãe da Tonton disse...

Foto linda! Eu vi essas meninas lá, umas bonecas! E o festival estava lindo, vários concertos que valeram a pena!

FRANCISCO CARLOS COUTO DE MORAES disse...

Fiquei contente de saber que o Festival Internacional de Música (que eu abrevio como FESTIM) do SESC em Pelotas voltará a acontecer daqui a um ano. Se a inicativa não se repetisse, o trabalho de "escola", como foi dito neste sítio, não teria continuidade, porque muitos instrumentos não têm professores permanentes nesta cidade. Na verdade, acho que a maioria não tem.

Francisco Antônio Vidal disse...

As iniciais são FIM-SESC, mas FESTIM soa bem melhor.
Talvez FIMPel ou FIMúsica?

Realmente, Pelotas não tem professores na maioria desses instrumentos que foram abordados no Festival: violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta, oboé, clarinete, fagote, saxofone, trompa, trompete, trombone, tuba, eufônio, percussão, violão clássico, e mais canto lírico, composição e seis instrumentos de jazz. 24 opções em total

O Conservatório da UFPel tem bacharelado em piano, violino, violão, flauta, canto e composição. 6 opções (25% do total)

Francisco Antônio Vidal disse...

"FESTIN Pelotas" seria uma alternativa para a proposta do leitor. O nome completo do evento é "Festival Internacional SESC de Música".

O nome FESTIM já foi usado no Festival Intermunicipal de Músicas do Mundo.