segunda-feira, 30 de maio de 2011

Atuações teatrais no centro de Pelotas

Esta semana, o Núcleo de Teatro da UFPel programou desempenhos na rua, como atividade da Oficina de Formação Livre denominada "Poéticas Teatrais Contemporâneas e Teatro de Grupo". A informação foi dada ontem por Rejane Botelho, no blogue Agência da Arte - Cultura.

Segunda-feira 30 de maio, 18h
Cantinho do Faustão, de Elias Pintanel
No centro da cidade, uma exposição de arte contemporânea está aberta para todos. Um detalhe: aqui as pessoas podem ser obras de arte e virar parte da exposição.
Local: Marechal Floriano esquina General Osório (em frente à loja Hercílio).

Terça-feira 31 de maio
A Reunião, de Jandira de Souza Brito
O grande grupo se sentará em círculo, nos rituais típicos do tomar café e coisinhas gostosas. As conversas começarão por meio de perguntas, retiradas de uma caixa por cada participante e debatidas uma a uma. Ante um grito, todos se moverão numa dança esquisita, e logo voltarão ao debate. O desempenho busca representar as cansativas reuniões que devemos tolerar pelo simples cumprimento de convenções. Também alude à vontade de jogar tudo pro alto e ter uns segundos de “loucura”, fugir do padrão de "normalidade "para uma "anormalidade".
Local: Café Aquários.

Quarta-feira 1 de junho, 18h
Um ruído ao bom senso!, de Mauricio Rosa
Um grupo de pessoas terá seus celulares tocando, seja com músicas em mp3 ou toques de telefone. É uma crítica à poluição sonora a que somos expostos diariamente em lugares públicos como filas, ônibus, praças, praias, seja de carros com som alto, tocando músicas de massa, ou dos próprios aparelhos telefônicos. Mais precisamente, esta performance é um apelo ao bom senso.
Local: Supermercado Nacional do Calçadão de Pelotas, setor Frutas.

Quinta-feira 2 de junho, 15h
Família vai às compras, de Nailê Machado
Uma família do interior vai às compras, mas as pessoas não se entendem. Os filhos querem tudo que veem, pois nunca viram tanta novidade.
Local: Camelódromo da Marechal Floriano.

Sexta-feira 3 de junho, 18h15min
Vamos assistir à aula?!, de Vanessa Martins
Uma jovem professora tenta iniciar a sua aula, mas seus alunos não prestam atenção. Ficam de conversas paralelas e jogando bolinhas de papel. A docente tenta resgatar a aula, mas não consegue e abandona a sala.
Local: Largo do Mercado.

Sábado 4 de junho, 11h30min
Aniversário da minha mãe!, de Laerte Sancho
1ª Etapa: Cada um responde para si mesmo a pergunta: Qual é a primeira coisa (ação) que me vem à cabeça quando penso em minha mãe?
2ª Etapa: Realizar essa ação vestido de "mãe".
3ª Etapa: Gravar um vídeo de todos cantando parabéns, vestidos de mãe, no mesmo local, e enviá-lo à minha mãe via internet. Espero vocês lá.
Local: Calçadão de Pelotas.

Domingo 5 de junho, 16h
O Bom Pastor, de Mauricio Mezzomo
O dono da palavra recita as bem-aventuranças, enquanto seu rebanho é puxado por cordas. Verifica-se a relação entre opressor e oprimido.
Local: Parque Dom Antônio Zattera.

Um comentário:

ALCENA C V C disse...

Maravilha dias cheios de cultura!
viva,viva a cultura em Pelotas!
Para todos dias abençoados!



http://alcenacvc.blogspot.com/